A magia das escolas Montessorianas

Tempo de leitura: 2 minutos

A educação Montessoriana é centrada na criança e traz independência, confiança, curiosidade e uma vontade de aprender. Além do sentimento de orgulho e independência em poder tomar suas próprias decisões, os pequenos também recebem importantes lições sobre o que significa fazer parte de uma comunidade.

O método Montessori é todo sobre a criança individual e foi desenvolvido pela italiana Maria Montessori, que compreendeu por si mesma algumas noções-chave sobre as crianças e a maneira como elas deveriam ser educadas. O diferencial desse tipo de educação está na independência das crianças.

A educação montessoriana se baseia no entendimento de que as crianças têm uma capacidade inata de aprender e se educar quando colocadas no ambiente certo. O método Montessori estende a educação para além da sala de aula, e como a conversa nos círculos de educação volta-se para o foco nas habilidades leves e na autoconfiança, é lógico ajudar seu filho nesse caminho desde os primeiros anos.

A autodisciplina está no topo da lista de tarefas dentro das escolas Montessorianas, neste ambiente, a disciplina é gerenciada individualmente. As crianças desfrutam de enorme liberdade de escolha, dentro dos limites do ambiente preparado. A abordagem não é diferente da adotada por muitos pais em casa, permitindo que as crianças explorem e encontrem as coisas de forma independente, mas protegidas e supervisionadas por um adulto. A experiência em sala de aula é liderada por alunos, e não por professores. Baseia-se em facilitar a autoexpressão e as escolhas de uma criança, ajudando-a a desenvolver a autoconsciência e a autoestima.

As escolas Montessori concentram-se em uma educação diferenciada. Cada pequena atividade em que as crianças se envolvem, como servir a comida na hora do lanche ou atividades práticas do cotidiano, tem um benefício educacional. Trabalha-se a coordenação mão-olho, consciência espacial e habilidades motoras.

Maria Montessori acreditava que nenhum ser humano pode ser ensinado por outro; que você deve aprender por si mesmo ou não significará nada. Nas salas de aula baseadas em Montessori, as crianças se levantam, se movimentam e deixam a curiosidade ser seu guia.

E como Montessori acreditava que “a mão é o professor principal do cérebro”, os alunos geralmente aprendem pelo toque – manuseando materiais especialmente projetados. O trabalho do professor Montessori é mostrar às crianças como usar esses materiais, e depois deixá-los aprender de forma independente. Esta é uma abordagem centrada na criança.

Agende uma Visita

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *